pgm316Neste programa, nossa equipe pesca nos rios amazônicos e revela dicas de como capturar os tucunarés, mesmo que eles não pareçam estar famintos.

 

 

Lusca Pacheco, na companhia de Alexandre Sarpe, consultor de pesca da Nascimento Turismo sai à caça de várias espécies, além dos famosos tucunas.

A Nascimento Turismo, têm mais de 50 anos de experiência no segmento de viagens e, viu na pesca esportiva, uma oportunidade promissora. Por este motivo, hoje ela conta com 30 destinos diferentes para quem quer pescar e não abre mão de infraestrutura e conforto. Prova disto é a parceria que firmaram com o Barco Hotel Maruaga, formando assim, um dos melhores roteiros da Amazônia sem abrir mão de excelentes refeições e mordomia.

Vimos nesta aventura do nosso pescador que, apesar de uma quantidade enorme de peixes ativos no rio, os maiores estavam difíceis de fisgar e, por isso, Lusca Pacheco, juntamente com Pepe Mélega, pescador esportivo e fotógrafo da revista Pesca & Companhia, deram dicas de como aproveitar sua pescaria lançando mão do uso de jigs e iscas de fundo e meia-água.

Nesta Pescaria, Lusca usou:

  • Vara Infinity Fleming de 6 pés (aproximadamente 1.80m)
  • Carretilha Bandit Fleming
  • Linha Triumph
Agência de Pesca
www.agenciadepesca.com.br
(11) 9-7169-5038
Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

5 thoughts on “Pesca Alternativa Ep.316 Lusca na Amazônia

Deixe uma resposta